عربي English עברית Deutsch Italiano 中文 Español Français Русский Indonesia Português Nederlands हिन्दी 日本の
Knowing Allah
  
  

   

terceiro: a distinção do pensamento da nação islâmica

 

o orientalista francês, marcel boisard debate o pensamento da nação islâmica e sua diferente compreensão ocidental, dizendo:

“não há para o pensamento da nação islâmica semelhança no pensamento ocidental, nem com a sua experiência histórica. a sociedade islâmica é composta de crentes, unidos por vínculos políticos e religiosos ao mesmo tempo e centralizados ao redor das palavras sagradas de deus. o indivíduo se mescla no islam com o grupo crente em pé de igualdade através da chaháda (testemunho individual de fé), declarando a sua vontade, e suas características particulares como crente. a intenção declarada, e a pronúncia oral são duas condições para pertencer à comunidade. conseqüentemente, determina a seguir a vontade de deus dentro da estrutura social. assim, o sistema básico da comunidade é vinculado à adoração obrigatória perante deus.”1

portanto, a idéia da nação islâmica não possui rival nas experiências ocidentais no decorrer da história.

a história do ocidente é um conjunto de sucessivos impérios, baseada na classe, na raça e na cor.

não se conhece, na história ocidental, uma civilização que foi estabelecida com base no vínculo religioso a não ser a civilização islâmica.

nenhum país ocidental, na idade média, igualou entre os membros do povo no tratamento, na distribuição da riqueza e da autoridade a não ser a nação islâmica!

____________________

1. marcel boisard, “o humanismo do islam”, pág. 182-183.

 

 




                      Previous article                       Next article




Bookmark and Share


أضف تعليق

You need the following programs: الحجم : 2.26 ميجا الحجم : 19.8 ميجا