1. Articles
  2. Os Ensinamentos do Muhammad ﷺ
  3. Os ensinamentos do Profeta ﷺ ao comprar e vender

Os ensinamentos do Profeta ﷺ ao comprar e vender

Auther : Dr. Ahmad Bin Uthman al-Maziad
28 2022/01/03 2022/01/28

O Profeta ﷺ comprava e vendia, mas após ser agraciado com a mensagem de Allah passou a comprar mais que vender. Realizou outras transações como alugar, nomeou representantes e foi nomeado como tal, mas não nomeava mais vezes do que era nomeado.

Comprava à vista e à crédito. Intercedia por terceiros e outras pessoas intercediam por ele ﷺ, também pedia emprestado com ou sem hipoteca.

Doava e aceitava doações. Presenteava e aceitava presentes. Se não desejasse o presente, desculpava-se com quem havia oferecido. Aceitava presentes oferecidos por reis e os distribuía entre seus companheiros.

Era ainda mais bondoso em seus negócios. Se pedisse algo emprestado, devolvia algo melhor e suplicava a Allah que abençoasse aquele que lhe havia emprestado, sua família e sua riqueza. Uma vez pediu um camelo emprestado e seu dono veio cobrar sendo rude com o Profeta ﷺ. Quando seus companheiros quiseram agredir o homem, ele ﷺ disse: 

“deixem-no, pois aquele que tem um direito pode reclamá-lo”

(Bukhari e Muslim).

Sua reação ao abuso era a tolerância. Aconselhava àqueles que ficassem furiosos que fizessem a ablução, que sentassem caso estivessem de pé e que buscassem refúgio em Allah, swt. 

Nunca era arrogante; pelo contrário, comportava-se com humildade e modéstia com seus companheiros, saudando aos jovens e aos velhos.

Costumava brincar, mas, mesmo assim, nunca disse mentiras. Contava histórias, mas nunca dizia nada que não fosse a verdade. 

Caminhava, consertava seus sapatos, costurava suas roupas com suas próprias mãos. Ordenhava sua cabra, limpava suas roupas, servia sua família e a ele mesmo e junto com seus companheiros carregou tijolos para construir a mesquita.

Era a pessoas mais tolerante e amável.

Quando era requisitado para escolher entre duas coisas, sempre optava pela mais simples, obviamente, quando não era ilícita.

Nunca se vingava de uma injustiça cometida contra sua pessoa, mas quando alguma das proibições de Allah, swt, era violada, sua repulsa era notória.

Costumava aconselhar e buscar o conselho, visitar os doentes, assistir aos funerais, aceitar convites e esforçar em ajudar a suprir as necessidades das viúvas, pobres e débeis.

Costumava suplicar a Allah por qualquer um que lhe fizesse um favor. Dizia: 

“Quando um favor te é feito, dizes a quem lhe fez ‘jazaka Allahu khairan’ (que Allah te recompense com o bem), e isso é um elogio suficiente” .

(Tirmidhi)


Previous article Next article

Articles in the same category

O Website do Profeta Maomé, O Mensageiro de AláIt's a beautiful day