O Profeta (S), Como o Vedes

Auther : Mohammad Ibn Jamil Zino

1. “o profeta (s) tinha o rosto mais formoso e, dentre os homens, o melhor caráter; não era nem muito alto nem muito baixo.” [bukhári e musslim.]

2. “o profeta (s) tinha o rosto claro e sereno.” [musslim.]

3. “o profeta (s) era de altura mediana, tendo ombros largos e barba espessa. seus cabelos lhe caíam por sobre as orelhas. usava uma manta vermelha; e jamais vi alguém tão bonito quanto ele.” [bukhári.]

4. “o profeta (s) tinha a cabeça grande, mãos e pés grandes, e um rosto prazenteiro. nunca vi ninguém como ele, antes ou depois.” [bukhári.]

5. “o rosto do profeta (s) era como o sol e como a lua, era redondo.” [musslim.]

6. “quando o profeta (s) estava contente, seu rosto se iluminava e se apresentava como se fosse um pedaço da lua, e nós o notávamos.” [bukhári e musslim.]

7. “o profeta (s) não gargalhava, mas sorria; e se a gente olhasse para ele, parecia que seus olhos estavam besuntados, mas não estavam.” [hassan,1al tirmizi.]

8. aicha narrou: “nunca vi o profeta (s) gargalhar a ponto de a sua úvula se tornar visível. ele apenas costumava sorrir.” [bukhári]

9. jabir ibn samura narrou: “vi o profeta (s) numa noite clara, e me pus a olhar para ele e para a lua. ele estava usando uma manta vermelha, ele me parecia mais formoso que o luar.” [relatado por tirmizi, que disse: “é hasan gharib2.” também al hakim e al zahabi verificaram aquilo.]

10. alguém descreveu esplendidamente o mensageiro (s) ao dizer:

“seu rosto tem brilho, e as nuvens, chuvas;

por meio da sua súplica (a allah)

alimenta os órfãos e

protege as viúvas”.

esse poema foi tirado duma poesia feita por abu talib3. foi recitado por ibn ômar e por outros quando os muçulmanos estavam afligidos pela seca, e o mensageiro (s) fez súplicas a allah em favor deles, dizendo: “ó allah, proporciona-nos água!” e choveu (naquele mesmo dia). [bukhári.]

11. o restante da descrição feita por abu tálib sobre o mensageiro (s) é:

“os oprimidos dentre

a família de háchim buscam refúgio nele,

e encontram-no benevolente e virtuoso.

haveis vivido (perto dele), e

juro pelo senhor da casa4:

mohammad não será destruído;

lutaremos em favor dele e nos esforçaremos ao máximo.

não o deixaremos esmorecer até que sejamos chacinados em torno dele,

e (se preciso for) negligenciaremos nosos filhos e nossas esposas (por ele).

um homem da tribo coraixita também recitou:

“louvado seja allah, e vem, então,

daqueles que agradecidos são.

“recebemos a chuva por meio

da intercessão do profeta.

ele dirigiu sinceros apelos a allah, seu criador,

e se concentrou, na sua súplica, com fervor.

“num breve tempo dum trocar de roupa5,

ou mesmo mais rápido,

vimos a chuva cair (e não foi pouca).

“tinha, como seu tio abu tálib o descreveu,

um semblante claro e luzente.

por meio dele e por allah, a chuva do céu desceu;

essa é uma prova da sua mensagem fulgente.

“e aquele que graças a allah der

terá aumento de provisão;

enquanto aquele que malagradecido for

receberá a verdade em oposição”.

[tirado da obra manal al tálib, de al acir, pág. 106].

---------------------------


lista de abreviaturas

d.h.– depois da ou após a hégira, que marca o começo do calendário islâmico, a partir do tempo da migração do profeta, de makka para madina.
e.c. – era comum, usada para o calendário gregoriano comum.
n. – data do nascimento.
m. – data da morte.
r – radhia allahu anhu (anha) [que deus se compraza dele (dela)]. é usada após a menção do nome de um companheiro ou uma companheira.
swt – subhánahu wa ta’ála (glorificado e exaltado seja). é usada após a menção do nome de deus.
(s) – salla allahu alahi wa sallam (que deus o abençoe e lhe dê paz). expressão usada após a menção do nome do profeta mohammad.
as – alaihi salam (que a paz esteja com ele). expressão usada após a menção do nome de qualquer profeta.

Previous article Next article

Articles in the same category