1. Articles
  2. O Retorno de Jesus
  3. O Reino e Morte de Jesus

O Reino e Morte de Jesus

Under category : O Retorno de Jesus
1439 2012/12/25 2022/12/10

O reino de Jesus, que Deus lhe conceda paz, será pela Lei que Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, trouxe.  Isso está de acordo com a Aliança que Deus fez com todos os Seus profetas.  No Alcorão, é dito:

Quando Deus aceitou a promessa dos profetas, disse-lhes: “Eis o Livro e a sabedoria que ora vos entrego. Depois vos chegou um Mensageiro que corroborou o que já tendes. Crede nele e socorrei-o.” Então, perguntou-lhes: “Comprometer-vos-eis a fazê-lo?” Disseram: “Comprometemo-nos.” Ele disse: “Testemunhai, que também serei, convosco, Testemunha disso.” (Alcorão 3:81)

O reino de Jesus, portanto, será de acordo com a Aliança com Deus, e isso é suportado por uma explicação do dito do Profeta, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, por Abu Hurayrah, quando relatou uma pergunta que ele fez aos seus companheiros.  Ele disse:

O Mensageiro de Deus disse: “O que fariam se o filho de Maria descesse em seu meio e os liderasse como um de vocês?"

Um dos companheiros, Ibn Abu Thib, perguntou:

O que significa ‘Ele os liderasse como um de vocês’?

Abu Hurayrah respondeu:

“Ele os liderará de acordo com o Livro de seu Senhor, exaltado e louvado seja Ele, e o Caminho de seu Mensageiro, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele.”[1]

Seu reino será marcado por respeito mútuo, paz e prosperidade entre as pessoas.  Em outro hadith, Abu Hurayrah disse:

“Rancor, ódio mútuo e inveja desaparecerão e quando ele (Jesus) convocar as pessoas para aceitarem fortuna, ninguém aceitará.” (Saheeh Al-Bukhari)

A falta de rancor entre as pessoas será absoluta, não relativa, por pelo menos sete anos, quando duas pessoas serão instigadas a sentir ódio[2] e a palavra entre elas será ‘paz’.  De fato, a religiosidade e piedade serão a ordem do dia, porque para cada pessoa:

“Uma única prostração para Deus (em oração) será melhor do que o mundo todo e tudo que ele contém.” (Saheeh Al-Bukhari)

O próprio Jesus não somente governará e julgará pela Sharia islâmica, mas também completará todos os pilares islâmicos.   O Profeta do Islã disse:

“Por Aquele em Cujas mãos está a minha vida, o filho de Maria certamente invocará o nome de Deus para o Hajj ou Umrah[3] ou ambos no vale de Rauha (um vale próximo de Medina).”  (Saheeh Muslim)

Então, quarenta anos após sua segunda vinda ele morrerá, e os muçulmanos realizarão a oração fúnebre por ele.[4] E esse é o momento ao qual Deus se refere no versículo corânico:

“Nenhum dos adeptos do Livro deixará de acreditar nele (Jesus), antes da sua morte...”  (Alcorão 4:159)

Se Deus quiser, todas as pessoas serão de um único Livro naquela época.



[1] Saheeh Muslim.

[2] Saheeh Muslim.

[3] Essas são a Peregrinação Maior e Menor ao Santuário Sagrado em Meca, a primeira um pilar ritual obrigatório do Islã.

[4] Abu Hurayrah narrou que o Profeta, que Deus o louve, disse: “Ele (Jesus) viverá na terra quarenta anos e então morrerá. Os muçulmanos orarão por ele em sua oração fúnebre.” Em Musnad Ahmed e Abu Dawood.

Previous article Next article

Articles in the same category

O Website do Profeta Maomé, O Mensageiro de AláIt's a beautiful day