Etiquetas das Condolências

As condolências foram prescritas para consolar a família do falecido e aliviar a dor e a angústia deles. O Mensageiro de Allah s.a.w. disse:

 

“Nenhum crente consola seu irmão em época de angústia exceto que Allah s.w.t. o vestirá com ornamentos de honra no Dia do Ajuste de Contas” [ibn Maajah]

 

Deve-se suplicar pela família da pessoa do falecido e encorajá-los a ter paciência e pensar na recompensa que eles receberão de Allah pela paciência nesse momento de angústia. Usaamah bin Zaid disse:

 

“Nós estávamos com o Profeta s.a.w. quando uma mensagem foi enviada por uma de suas filhas dizendo que ela estava chamando ele e que um filho dela estava morrendo. Ele disse ao mensageiro: ‘Volte até ela e diga que o que Allah pegou de volta (a criança) era dEle e dEle é o que Ele deu, e tudo com Allah é por um tempo prescrito. Ordene que ela tenha paciência e busque recompensa de Allah.’ O mensageiro  foi até o Profeta s.a.w. e disse: ‘Ela fez um juramento para que você vá até ela.’ O Profeta s.a.w. se levantou com Sa’d ibn Ubaadah e Mu’aadh ibn Jabal. Eu parti com eles e quando nós chegamos ele ergueu o menino e sua alma estava deixando seu corpo [sabia-se disso porque tremia] como [o som feito] quando [derrama-se água ou outras coisas] em uma cuia vazia. Os olhos dele [do Profeta s.a.w.] ficaram molhados, e Sa’d exclamou: ‘O que é isso oh Mensageiro de Allah s.a.w.?’ Ele respondeu: ‘Isto é a misericórdia de Allah instilada no coração de seus servos. Por certo as únicas pessoas a quem Allah mostra misericórdia de seus servos são aquelas que também mostram misericórdia.’” [al-Bukhari & Muslim]

 

A pessoa deve suplicar a Allah que mostre misericórdia ao falecido. Imam Ash-Shaafi’i gostava que se dissesse à família do falecido:

 

“Que Allah lhe dê uma grande recompensa, que lhe agracie com paciência e que perdoe o seu [parente] falecido”.

 

É desejável preparar comida para a família do falecido. O Mensageiro de Allah s.a.w. disse:

 

“Preparem comida para a família de Ja’far, pois por certo um assunto que os preocupa chegou a eles” [Abu Dawood & at-Tirmidhi]

 

Previous article Next article