1. Articles
  2. Características da Chari’a islâmica e seus valores culturais
  3. Características da Chari’a Relacionadas à sua força e poder

Características da Chari’a Relacionadas à sua força e poder

Auteur : Majid ibn Suleiman Al-Rasi
58 2022/10/30 2022/12/03

Entre as características da Chari‟a islâmica é que ela prevalece para aqueles que a desafiam, e milagrosapara aqueles que se opõem a ela. Ninguém foi capaz de invalidar a validade de um único versículo do Alcorão, ou um único hadice do Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz), e ninguém foi capaz de apresentar um versículo como os versículos do Alcorão. Ninguém será capaz de apresentar ensinamentos que sejam próximos ou semelhantes aos ensinamentos do Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz), e Deus falou a verdade ao descrever o  Alcorão:

“Se fosse de outra origem que não de Deus, haveria nele muitas disparidades”.

(An Nissá, 4:82)

Entre as características da Chari‟a islâmica está sua firmeza diante dos desafios e sua continuidade e estabilidade, apesar da  ucessão de calamidades e da luta dos inimigos ao longo dos tempos. A Chari‟a islâmica não murchou ou mudou, ao contrário das leis humanas, pois estão entre a ascensão temporária, mudança contínua e colapso permanente.

Uma das manifestações da firmeza da Chari‟a islâmica ao longo da história, sua firmeza diante das correntes intelectuais, como a tendência da cristianização, que visa cristianizar o mundo e recrutá-lo para o culto da cruz. Apesar da grande capacidade dos países apoiadores da cristianização, a taxa do ingresso no Islam neles é maior da taxa de entrada no cristianismo e outras religiões distorcidas ou humanas, com a presença de disparidade nas capacidades materiais e tecnologias entre associações que clamam pelo cristianismo e associações que clamam pelo Islam.

Entre as manifestações da firmeza da Chari‟a islâmica ao longo da história, sua firmeza diante da tendência secular, que visa separar a religião de todos os aspectos da vida, e torná-la confinada à relação do servo com seu Senhor.

Entre as manifestações da firmeza da Chari‟a islâmica ao longo da história; Sua firmeza diante das correntes baathistas (renascentistas) e nacionalistas, até que se tornou um tipo de antiguidade.

Entre as manifestações da firmeza da Chari‟a islâmica ao longo da história, sua firmeza diante das correntes de violência e caos, que visa derrubar os governantes de alguns países muçulmanos, para que os responsáveis tomem o poder, e transformem o país em um país seguro e próspero, conforme sua alegação. O mundo testemunhou os efeitos dessas correntes imprudentes nos países em que eles realizaram seus planos de um estado ruim para uma condição pior, então as coisas ilícitas foram liberadas e o sangue foi derramado, honras foram quebradas e os infiéis se regozijaram com o que aconteceu com a arena muçulmana, e eles a chamaram de Primavera! Com exceção dos países cujos povos agarrados ao Islam, pois eles resistiram a essas correntes destrutivas, então o país e os servos se salvaram.

Uma das características da Chari‟a islâmica é a sua continuidade e permanência até a Hora do Juízo Final, Muawiya (que Deus, Exaltado Seja, esteja satisfeito com ele) relatou que o Mensageiro de Deus (Deus o abençoe e lhe dê paz) disse: “Um grupo de minha nação permanecerá seguindo o comando de Deus, ele não será prejudicado por aqueles que os traem ou se opõem a eles, até que o
comando de Deus se estabeleça e ele seja vitorioso sobre o povo”

Uma das características da Chari‟a islâmica é que Deus prometeu ao seu povo que a ajudará, que eles serão vitoriosos, e nisto há consolo para os crentes que aderem à Chari‟a, e uma promessa a eles de vitória e consolidação, mesmo que seja depois de um tempo. O Exaltado Seja disse:

“Sabei que secundaremos Nossos mensageiros e os crentes, na vida terrena e no dia em que se declararem as testemunhas” .

(Gháfer, 40:51)

Edisse: “Deus decretou: Venceremos, Eu e os Meus mensageiros! Em verdade, Deus é Poderoso, Fortíssimo”.

(Al Mujádala, 48, 21)

E disse: “Deus prometeu àqueles dentre vós, que creem e praticam o bem, fazê-los herdeiros da terra, como fez com os seus antepassados; consolidar-lhes a religião que escolheu para eles, e trocar a sua apreensão por tranquilidade – Que Me adorem e não Me associem a ninguém!”

(An Nur, 24:55).

Deus, Exaltado Seja, disse:

“Sem dúvida que foi dada a Nossa palavra aos Nossos servos mensageiros, de que seriam socorridos. E de que os Nossos exércitos sairiam vencedores”

(As Safat, 37:171- 173).

Deus, Glorificado Seja, prometeu o surgimento do Islam e disse:

“Ele foi Quem enviou Seu Mensageiro com a Orientação e a verdadeira religião, para fazê-la prevalecer sobre todas as outras, embora isso desgostasse os idólatras” .

(At Tauba, 9:33)

Em outro versículo, diz:

“Foi Ele Quem enviou o Seu Mensageiro com a orientação e com a verdadeira religião, para fazê-las prevalecer sobre todas as religiões, ainda que isto desgoste os idólatras”

(As Saf, 61:9)

Em outro versículo, diz:

“Ele foi Quem enviou o Seu Mensageiro com a orientação e com a verdadeira religião, para fazê-las prevalecer sobre todas as outras religiões; e Deus é suficiente Testemunha disso” .

(Al Fath, 48:28)

Uma das características da Chari‟a islâmica é que a quem a aplica nos países e povos, Deus lhes prometeu a felicidade de ambos os mundos, para viver neste mundo seguros e queridos, em segurança e em vida confortável, e na Outra Vida é-lhes prometida uma grande recompensa. E quanto aos países e povos que se afastam da lei de Deus, então eles vivem em calamidades e calamidades, mesmo que sejam dos países mais poderosos, e a realidade testemunha isso. Quando os primeiros povos entenderam isso e o aplicaram, a ivilização islâmica dominou a Terra por oito séculos. Assim, cumpriram as palavras de Deus, Exaltado Seja:

“Deus prometeu àqueles dentre vós, que creem e praticam o bem, fazê-los herdeiros da terra, como fez com os seus antepassados; consolidar-lhes a religião que escolheu para eles, e trocar a sua apreensão por tranquilidade – Que Me adorem e não Me associem a ninguém!” .

(An Nur, 24:55)

E quando eles se afastaram de sua religião, Deus os despojou de senhoria e deu poder a seus inimigos sobre eles, como é a realidade
testemunhada agora.

Uma das características da Chari‟a islâmica é que seus seguidores são as melhores nações. O Exaltado Seja, disse:

“Sois a melhor nação que surgiu na humanidade, porque recomendais o bem, proibis o ilícito e credes em Deus.”

(Ál „Imran, 3:110)

. Bahz ibn Hakim, com base em seu pai, com base em seu avô, que ele ouviu o Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) dizer: “Sois a melhor nação que surgiu na humanidade, pois vocês pertencem a setenta nações e vocês são a melhor e a mais honrada delas perante Deus”.

Uma das características dos ensinamentos da Chari‟a islâmica é que tudo o que a contradiz é falso e não prova a verdade quando  confrontado. Deus, Exaltado Seja, diz:

“Dize também: Chegou a Verdade, e a falsidade desapareceu, porque a falsidade é pouco durável.”

(Al Isrá. 17:81)

E disse: “Dize-lhes (ainda): A verdade tem prevalecido, e a falsidade nada cria e nem restaura”

(Sabá, 34:49)

Ou seja, ele decai, e seu comando é invalidado, e sua autoridade se foi, então não começa nem se repete.

Uma das características da Chari‟a islâmica é que quem a combate acaba derrotado e decepcionado, seja ele dos líderes ou  dignitários ou das correntes intelectuais e racistas. O Exaltado Seja disse:

“Sabei que aqueles que contrariam Deus e o Seu Mensageiro contar-se-ão entre os mais humilhados. Deus decretou: Venceremos, Eu e os Meus mensageiros! Em verdade, Deus é Poderoso, Fortíssimo”

(Al Mujádala, 58:20-21)

E Deus falou a verdade: Onde está o comunismo? Onde está o nacionalismo e o renascentista? Tornaram-se um tipo de antiguidade. Por outro lado, o Islam passou por quatorze.

séculos de desafios? Será que foi afetado pelas Cruzadas? Será que foi influenciado pela chamada era colonial europeia? Será que foi influenciado pela invasão tártara do Iraque? Será que foi influenciado pela invasão ideológica secular? Não, por Deus, ele aumentou a solidez e a firmeza, e Deus falou a verdade:

“Dize também: Chegou a Verdade, e a falsidade desapareceu, porque a falsidade é pouco durável.”.

(Al Isrá. 17:81)

Uma das características da Chari‟a é que ela lembra o estado de nações e civilizações passadas, e conta suas histórias, para serem inspiradas por lições e considerações, e isso é fonte de sua força e poder, através de muitos versículos do Alcorão, que alertaram como essas nações se levantaram para seguir seu exemplo e lembrar as nações que entraram em colapso como desmoronaram para alertar as pessoas contra seu comportamento.

E a partir disso, elas lembram repetidamente da história do povo de Noé, „Ad, Samud, os companheiros da arca e o povo de Lot, e a história do Faraó, Qarun, Haman e muitos outros, como o Alcorão mencionou muitas histórias sobre os Filhos de Israel e as consequências de sua tirania. o Alcorão mencionou muitas histórias sobre pessoas que eram arrogantes, e Deus os destruiu, depois que eles estavam desfrutando das Suas bênçãos. Ele os exortou a refletir sobre as consequências de seus assuntos e se beneficiarem de suas histórias, para ensinar às pessoas os caminhos do sucesso, para que possam segui-los, estabelecer a civilização islâmica e aprenderem os caminhos da corrupção e da tirania para evitá-los. Deus, Exaltado Seja, disse:

“Acaso, não percorreram eles a terra, para ver qual foi a sorte dos seus antepassados?”.

(Gháfer, 40:82)

É bom mencionar que o Alcorão exorta as pessoas a andarem pela Terra para ver o resultado daqueles antes de nós em treze lugares.










Previous article Next article

Articles dans la même catégorie

Site de soutien au Messager d'Allah MuhammadIt's a beautiful day